“Tudo o que existe no Universo está em constante vibração.

Tudo vibra, desde os blocos sólidos de cimento das nossas construções à ténue brisa da Primavera. O som também é uma vibração, que se propaga sob a forma de ondas, ondas sonoras resultantes da vibração do ar. As ondas lentas produzem sons baixos e as ondas que se deslocam rapidamente produzem sons altos; é a isto que se chama «frequência».”

O som é abençoado. O Som tem levado as pessoas a diferentes estados de consciência desde o início dos tempos. Gongos, Taças Tibetanas, outros instrumentos e música gravada tudo para nos levar a estados de êxtase. Música espiritual leva muitas pessoas a um sentimento de conexão com o divino.

Como isto funciona? Por que é que isto acontece? Há uma explicação científica que envolve vibração, frequência e ressonância.

Você é um ser vibratório, todos os órgãos, células e fluidos no seu corpo vibram a nível atómico. A cientista Barbara Hero mediu a frequência dos órgãos humanos e descobriu que o fígado vibra a 319,88 Hz (ciclos por segundo), o estômago a 110 Hz, um osso a 418,3 Hz., e assim por diante. Claro, nem todos os fígados vibram exatamente há mesma frequência, porque todos nós somos sinfonias únicas de vibração.

O corpo sempre tenta curar-se a si mesmo, quando você se corta, ele cicatriza. Quando um órgão ou qualquer parte do corpo está fora de equilíbrio, experimentando a doença, ele quer curar-se. Quando um terapeuta de som toca um instrumento que vibra na frequência precisa, que é saudável para um órgão fora de equilíbrio, que percebe essa vibração como a normal, ele tenta vibrar na mesma frequência para se curar. Em teoria musical isto é chamado de ressonância. Talvez seja por isto que você é atraído para uma música mais do que para outras.

O Gongo e as Taças Tibetanas são especiais porque estes instrumentos contém muitas frequências diferentes nas suas vibrações. Depois de tocar o instrumento, ele cria uma frequência fundamental e, em seguida, muitos mais tons harmónicos. É como tomar uma múltipla vitamina, seu corpo percebe todas as frequências e, em seguida, a parte do seu corpo fora de equilíbrio sente o que ele precisa e volta ao seu estado vibratório natural, saudável. A ressonância da sua própria voz também vai ajudá-lo a se curar.

A musicoterapia vibracional é uma área incrível do campo da medicina energética, e cada vez mais é reconhecida como uma importante medicina, a medicina do som.

Uma das características significativas do gongo é a natureza interativa dos sons que produz. O gongo produz uma nota projetada contra um espectro de fundo de notas. Cada nota interage com o fundo. Eles se alteram. Isso cria um padrão complexo e não linear que entrelaça o sentido do todo com o sentido da parte. Chamam-se tons harmónicos. Podemos senti-lo no corpo quando ouvimos o gongo. Todo o corpo vibra e muda à medida que áreas específicas do corpo são pressionadas e estimuladas pelas ondas do gongo. Os chakras geralmente agem em concerto, funcionando em pares e trios, não sozinhos e singulares. O gongo ajuda os chakras a inter-relacionar e coordenar. Eles são liberados de padrões emocionais que diminuem sua fluidez e impacto.

O gongo tem impacto no corpo e seus meridianos. Liberta bloqueios, reduz a tensão e estimula a circulação. O resultado disso é uma reorganização da energia emocional e sentimentos que estão ligados à estrutura do corpo.

O gongo muda os sentimentos que são bloqueados cortando os pensamentos que sustentam e recriam esses sentimentos.

A vivência com o som do gongo é capaz de nos colocar em um estado alterado de consciência, no qual o funcionamento usual da mente é deixado de lado. Não há palavras, não há automatismos, não há condicionamentos para lidar com o som do gongo. Suas intensas vibrações entram dentro de nós abrindo novos modos de sentir e de perceber. O gongo é um instrumento para novas vivências espirituais.

Pessoas de todo o mundo procuram agora aprender com o Ângelo, pela sua forma holística, inclusiva e xamânica de trabalhar e ensinar.

A arte de fazer gongos sempre foi escondida em mitos e mistérios. Tradicionalmente, os

quatro principais centros de fabricação de gongos foram China, Burma, Annam e Java. Mais tarde, no final do século 19, veio para o Ocidente, com os Italianos e depois para Alemanha e Suíça.

A Paiste tomou o projeto dos gongos tradicionais do Oriente e fez uma série de mudanças importantes em relação à conceção, construção e afinação. Estes gongos foram desenvolvidos ao longo dos últimos 35 anos na Europa pela empresa Paiste em parceria com cientistas, músicos e profissionais terapêuticos. Os Gongos são feitos de bronze. níquel e de liga de prata que são altamente condensados ​​por meio de um processo de aquecimento e de rolamento sob pressão. Este processo traz o metal a uma consistência que traz uma resistência interna mínima e elimina qualquer possibilidade de trincas ou fissuras quando utilizado corretamente. Os Gongos são ajustados para criar uma mistura harmoniosa de ressonância.

Os gongos planetários têm uma forte nota fundamental afinada para representar uma série harmónica baseada na órbita de um planeta em particular, calculada pelo astrónomo Hans Cousto. Estes gongos ressoam fortemente com o cosmos, dando-nos a verdadeira “música das esferas”.

Katia Prior
O que é a Cosmic Gong?
A Cosmic Gong está sediada desde 2010 em Palmela, mas foi através das viagens e contacto com mestres influentes que receberam a sabedoria e inspiração de diferentes áreas e tradições e culturas do mundo.
Têm como Missão Ajudar os indivíduos a despertarem para o potencial
 transformador do som através do campo vibracional, portal contemplativo e unificador de consciências. Empoderar/harmonizar o indivíduo, na sua saúde e bem estar, ao tomar consciência de si mesmo.
Acreditam no poder unificador da vibração na cura, harmonização e transformação dos indivíduos.
Confiam na sabedoria das diferentes tradições enquadrando-as 
num contexto contemporâneo, olhando para o indivíduo como único e inteiro.
Permitem que a arte, a ciência e a ancestralidade se fundam e 
sirvam da melhor forma o indivíduo para a sua saúde, 
desenvolvimento pessoal e bem-estar.
Em 2017 surgiu uma ideia complementar direcionada para projectos de investigação científica, intervenção social e cultural.
Foi criada a Associação Internacional de Musicoterapia Vibracional & Ressonância Holística – Cosmic Gong com a visão de Investigar, documentar e promover os efeitos da musicoterapia vibracional.
Colaboram com Entidades Públicas e/ou Privadas com a realização de estudos, colaboração em projetos de investigação e outras atividades relacionadas com o bem estar geral da população.
Colaboram com associações nacionais e internacionais em benefício dos interesses das mesmas.
Organizam e promovem atividades e serviços para os associados de carácter cientifico, formativo, social, cultural, bibliográfico, e especialmente na realização de cursos, palestras, seminários e congressos.
Intervenção social com objetivo de poder levar estas atividades a pessoas carenciadas e instituições sociais.