A maioria das pessoas não sabe respirar adequadamente. Fazem uma respiração curta e superficial como se tivessem medo de que a respiração as fosse magoar. Mas, é claro que nada disso irá acontecer. Na realidade a nossa respiração deveria ser longa e profunda para que pudéssemos energizar e alimentar o nosso corpo.

A respiração é uma ferramenta fundamental para:

– Promover a saúde e a vitalidade

– Controlar o humor

– Desenvolver a concentração

– Promover um sentimento de conexão

– Apaziguamento da ansiedade, medo e preocupação

– Estimular as substâncias químicas do cérebro (endorfinas) que ajudam a combater a depressão

Observe por uns instantes a forma como respira e tente perceber o que pode fazer para melhorar o seu desempenho. Existem vários exercícios que podem ajudar e é recomendável começar por este:

Respiração Longa e Profunda – 3 minutos

Este tipo de respiração descontrai e purifica. A expiração deve ser completa. A maior parte das pessoas não esvazia os pulmões por completo quando expira, deixando uma certa quantidade de ar viciado dentro dos pulmões. A expiração completa, pelo contrário, produz automaticamente uma boa ventilação ao inspirar. Também é importante respeitar a sequência correta de movimentos ao inspirar e expirar. Na inspiração, começamos pelo ventre, em seguida as costelas e depois o esterno. Na expiração, começamos pelo esterno, em seguida as costelas e por fim o ventre.

Senta-te em postura fácil, com as costas direitas. Apoia ambas as mãos sobre o ventre de forma que as pontas dos dedos se toquem, fecha os olhos e concentra-te nas sensações do corpo. Inspira deixando que o ventre se encha – vais notar que as pontas dos dedos tendem a separar-se. Continua a inspirar até encher os pulmões por completo. Quando estiverem totalmente cheios, expira, esvaziando primeiro a parte superior dos pulmões e depois, com uma contração lenta do ventre, expulsa o resto do ar dos pulmões.

Relaxar é difícil para a maioria das pessoas, devido à grande “montanha russa emocional” e stress geral da vida. Mesmo quando estamos a realizar as nossas tarefas, há um diálogo interno emocional que gera padrões de ansiedade, de raiva, de preocupações e outras emoções autodestrutivas. A tendência é ligar a TV ou consumir drogas ou álcool para relaxar. Contudo, já sabemos que isto não ajuda o nosso corpo nem a nossa mente a relaxar.

O relaxamento profundo bem conseguido recorre a outras técnicas que nos ajudam a mudar a distribuição da energia no corpo e ativar o sistema nervoso de forma a permitir que a própria pessoa reorganize os seus padrões de comportamento.

Neste estado, o relaxamento promove:

– Rejuvenescimento, especialmente do sistema nervoso parassimpático

– Fazer circular as mudanças glandulares

– Aprender a lidar com o stress e a libertá-lo

– “Memorização” da sensação de relaxamento

– Integrar um novo padrão, depois de quebrar o antigo

Existem várias técnicas que promovem o relaxamento, desde ouvir música relaxante e nos deitamos bem direitos e confortáveis, ou mesmo sessões de relaxamento com profissionais da área. Hoje em dia já se encontra mais facilmente sessões de relaxamento em grupo, com recurso a instrumentos de sons harmónicos, como gongos e taças tibetanas, ou com recurso a técnicas de relaxamento conduzido.

A Cosmic Gong está sediada em Palmela, e desde 2012 temos vindo a promover práticas que contribuem para o bem-estar físico, emocional, energético e espiritual dos seres humanos. Temos formado muitos alunos nestas áreas, em Portugal e no estrangeiro e cerca de 60% dos nossos formandos estão ativos, desenvolvendo atividades em diversas localidades.

Atualmente Kátia Prior dá aulas regulares de Kundalini Yoga, Meditações com Gongo, Relaxamentos com sons, cursos de meditação e de Reiki com Gongo, Pujas de Gongo, Terapias Individuais, Ações Corporate, Workshops e Retiros.

É responsável pelo departamento administrativo, Financeiro e de Recursos Humanos da Cosmic Gong, secretária de direção da Associação Cosmic Gong.

Katia Prior